Mais conhecido pela sigla CRA, o Certificado de Recebíveis do Agronegócio, é um título lastreado em créditos do agronegócio, criado pelo governo para incentivar o financiamento da cadeia produtiva. Emitido por companhias securitizadoras e vendido a investidores no mercado de capitais, a Octante foi a primeira empresa a realizar essa modalidade no Brasil.

 

A primeira emissão pública de CRA (ICVM 400) ocorreu em 2012, em parceria com a Syngenta e a Bunge, e foi estruturada e realizada pela Octante. Atualmente, a Octante é conhecida por liderar as emissões de CRA estruturado no país, com uma representatividade de 85% deste mercado.

 

Lastros do CRA devem ser relacionados à produção agrícola, comercialização, ao beneficiamento ou à industrialização de produtos, máquinas e implementos utilizados na atividade agropecuária, representados, por exemplo, através dos seguintes títulos:

CPR Física com contratos de compra e venda: emitidas por produtores rurais ou distribuidores, equivalentes a promessa de entrega de produtos agrícolas;

CPR Financeira: emitidas por produtores rurais, equivalentes a promessa de pagamento em dinheiro, podendo ou não contar com penhor de produto;  

CDCA: emitidos por distribuidores, cooperativas e outras empresas ligadas ao agronegócio;

CDA-WA: o CDA é um título representativo de estoque de commodity agrícola. O WA, por sua vez, é um título de crédito que confere direito de penhor sobre a mercadoria descrita no CDA (conhecimento de depósito agropecuário);

Duplicatas: título de venda a prazo de produtos ligados ao agronegócio, emitidas por produtores que tenham relações comerciais com os distribuidores agrícolas;

Debêntures: títulos de dívida emitidos por sociedades anônimas, inclusive aquelas relacionadas à atividade do agronegócio;

NCE e outros títulos ligados à exportação de produtos da cadeia do agronegócio.

CERTIFICADO DE RECEBÍVEIS DO AGRONEGÓCIO

 

A emissão do CRA pode ser utilizada como um instrumento financeiro. Entre as suas vantagens pode-se destacar:

 

1. Derivação de risco de crédito

2. Visibilidade no mercado de capitais

3. Adiantamento de recebimentos

3. Financiamento por intermédio de estruturas off balance

4. Financiamento de clientes, estoques, hedge, insumos, equipamentos, etc.

5. Financiamento por mais de uma safra (estrutura revolvente)

POR QUE CRA?

 

Imersão: Análise & Oportunidades Empresa, clientes, distribuidores, produtores

Estruturação da Oferta 

Negociação, contratação de prestadores, definição de termos, documentação, aprovação de crédito

Disseminação 

Treinamento, workshops, marketing, visitas, demais assistências

Roadshow

Materiais, reuniões, bookbuilding

Administração do CRA

Registro contábil, divulgação, exigências CVM, amortizações, Monitoramento, revolvência de lastros, gerenciamento de documentos.

 

SOLUÇÃO COMPLETA EM EMISSÃO DE CRA

Rua Beatriz, 226 | São Paulo, SP, Brasil  05445-040 | Tel: +55 (11) 3060-5250

  • LinkedIn - White Circle

Securitizadora: octante@octante.com.br  I  Fundos: comercial@octante.com.br